Logo RTM

Compartilhe

Sistema de pagamentos instantâneos: infraestrutura necessária para operar no PIX
PorRTM

O primeiro período para adesão das empresas financeiras que desejam se conectar ao PIX, sistema de pagamentos instantâneos que permite realizar transações em qualquer dia e horário, terminou no início de junho. A solução, lançada em fevereiro de 2020, estará em pleno funcionamento em novembro, com a participação de mais de mil instituições financeiras. No final de 2020, deve ser lançado um novo período para adesão.

Para garantir a participação no modelo, as instituições estão em uma verdadeira corrida contra o tempo, buscando soluções para se conectar ao PIX e manter sua operação em funcionamento vinte e quatro horas por dia. Veja a seguir, quais são os recursos e a infraestrutura necessária para operar com segurança no PIX. 

Como se conectar ao sistema de pagamentos instantâneos – PIX?

O Banco Central do Brasil (BACEN) determina que podem participar do arranjo de pagamentos instantâneos do PIX todos os prestadores de serviços de pagamento (PSP), instituições financeiras (IF) e instituições de pagamento (IP) que oferecem serviços de contas para seus clientes. Para isso, será preciso fazer uma conexão com o BACEN, de forma direta ou indireta — por meio de outra instituição que já está conectada ao órgão. 

A instituição que optar por se conectar ao PIX de forma direta, terá que estruturar todos os recursos necessários para operar. Isso incluiu a necessidade de contratação de diferentes serviços, como link dedicado ou link de internet com especificações especiais de segurança, além de investimento em infraestrutura para hospedagem das aplicações e banco de dados, bem como a contratação de empresas especializadas em hospedagem ou Cloud, tendo ainda de fazer toda gestão e monitoramento 24 x 7 x 365.

As empresas que optarem por fazer de forma indireta, podem contratar um fornecedor especializado que fornecerá todos os recursos necessários para conectar ao PIX com segurança e de forma eficiente. Confira a seguir, quais são os recursos que um fornecedor especializado em infraestrutura para instituições financeiras deve oferecer.

Cinco soluções de infraestrutura necessária para se conectar ao PIX

SD WAN

SD-WAN é uma tecnologia para aumentar as opções de conectividade e resolver problemas de gerenciamento de redes. Por meio de uma arquitetura computacional estruturada por hardware e software no core da rede, a SD-WAN consegue que diferentes tipos de acessos (internet dedicada, banda larga, 3G/4G, link dedicado, etc.) se transformem em uma única conexão estável preparada para se adaptar às necessidades de cada aplicação com qualidade de serviço e segurança.

Entre as principais vantagens dessa solução está o painel de gerenciamento e controle centralizado. Por meio desse recurso, é possível controlar a rede de maneira remota e ter acesso às informações sobre o desempenho dos links. 

A SD-WAN reconhece e prioriza, de forma automática, as tarefas que estão trafegando e são mais importantes. Assim, durante uma atividade, se houver falha no link, o sistema redireciona automaticamente para outro e a operação não é interrompida. 

Cloud Link

Com o Cloud Link, as empresas têm conectividade dedicada às principais nuvens públicas do mercado. Para conexão, são utilizados acessos dedicados redundantes, isso elimina a necessidade de utilizar a internet. Dessa forma, as operações são feitas com maior segurança e disponibilidade, sem o risco de sofrer uma interferência externa.

A empresa tem conectividade redundante e segura para acessar as principais nuvens públicas do mercado, com alta velocidade e baixa latência. A solução aumenta a proteção da rede contra falhas de segurança e outros problemas de gerenciamento. 

Data Center

O Data Center deve contar com infraestrutura robusta e segura. Dentro de um ambiente de nuvem privada, as instituições vão ter segurança para armazenar seus dados, sem a preocupação de ter que gerenciar esse recurso.

Um fornecedor ficará responsável por fazer a gestão da solução, permitindo que a instituição financeira tenha tempo para focar no core business do seu negócio. A solução deve ser configurada com alto grau de redundância, oferecer contingência para sistemas críticos, ter monitoramento, backup das informações, entre outros recursos. 

Link Dedicado

O link dedicado é um caminho exclusivo para corporações que necessitam de total garantia de velocidade e disponibilidade de conexão. Na internet, grande parte dos problemas de conexão são causados pelo congestionamento de muitos usuários tentando usar a mesma rede. Com um link dedicado, os usuários da sua rede não terão problemas com lentidão ou indisponibilidade, por exemplo.

Internet segura

O ambiente de operações financeiras deve ser seguro para que as negociações sejam realizadas. Com o sistema de pagamentos instantâneos do Bacen, as transações passarão a ser realizadas a qualquer momento do dia e da semana, isso exige que a instituição redobre sua segurança para garantir a proteção de seus dados e de seus clientes. A RTM, por exemplo, possui serviço anti-DDoS aplicado aos links de internet, que garante proteção contra ataques de negação de serviço (DDoS).

O ambiente deve ser monitorado durante todo o tempo em que o cliente pode utilizá-lo. Soluções de monitoramento ininterrupto acompanham as movimentações na rede e identificam comportamentos suspeitos, que são reportados a uma equipe técnica especializada para combater qualquer ameaça. 

Estar preparado para se conectar ao PIX vai exigir que a sua empresa invista em soluções que garantam a execução e continuidade das operações, em qualquer ambiente. Contar com um fornecedor especializado em infraestrutura de TI para instituições financeiras é o mais indicado para quem quer ter segurança e eficiência no sistema de pagamentos instatâneos, sem perder o foco no que é mais importante para o negócio. 

Leia também: 

Newsletter

Cadastre-se e receba todos os nossos conteúdos por e-mail, em primeira-mão.


    Prometemos não utilizar suas informações de contato para enviar qualquer tipo de SPAM.

    Veja outras notícias relacionadas

    Duas mãos seguram dois blocos de madeira que se encaixam no ar representando o peer-to-peer.
    Peer-to-peer: conceito e aplicações no mercado financeiro
    Foto de Aloísio Mota, um homem branco vestido com terno preto e camisa social branca.
    Head de Negócios fala sobre criação do Grupo Consultivo para fundos
    Homem branco digita em um notebook enquanto trabalha em um ambiente com servidores. Ao lado da foto está escrito: Colocation no Data Center do mercado financeiro
    Colocation: vantagens de alocar seus servidores em espaços físicos